sábado, fevereiro 10, 2007

Portela no coração de Porto Alegre



Não tem igual!
Ela lembrou da turma de meninos e meninas que foram cantar para a velha-guarda no Fórum Social Mundial, em 2001!!!
Lembrou da turma que cantava alucinada cantos da Portela!
Foi a glória!
Aí largou: "Tá. E quando é que vocês vão lá no Rio?"
Quase surtei!
O João Vicente enlouqueceu! O show foi realizado na quarta-feira(7/2), no Santander Cultural. Aliás, que espaço para a música de qualidade! O chão é toooodoooo de vidro. A acústica é algo surreal. E o melhor! Ar condicionado bombando!!!
Nilze Carvalho no palco com sua banda e tia Surica entra soltando o melhor das Pastoras Portelenses! Não me contive...acabei chorando...
Ela é show de bola!
A Nilze Carvalho botou no sopapo os cavaquinistas! Toca muitooo! Todos da banda, muito simpáticos!
Vai passar na TVE dentro de poucos dias !
Saindo do show, Nega Marta e BB me levaram para conferir uma roda de raiz promovida pelo Sadi, do grupo Nenhum de Nós, em plena Cidade Baixa! Show!
Estava inflada com o coração azul e branco da Portela!
Fui trajada na cor para homenagear esta escola carioca!

Detalhe: olha a minha cara de 'professor aloprado'... To inchando toda rsrs boca, nariz ...olhos... pés... o calor contribui. O mundo das gestantes continha estas características. Mas não tinha noção que transformava mesmo! Que será de mim até os nove meses se eu, ainda, estou no sexto mês!!!
rsrs

Abaixo um plus de quem são estas feras femininas do samba:
" SURICA E NILZE CARVALHO SURICA E NILZE CARVALHO - O show marca a reunião de uma das mais queridas pastoras da Velha Guarda da Portela e uma “chorona” que passou a se dedicar também ao samba de raiz e vem se destacando na nova safra de sambistas cariocas. Aos quatro anos de idade, Surica desfilou pela primeira vez na Ala das Baiana da Portela. Cozinheira afamada, no ano de 2004, ao lado de Tia Doca e Tia Eunice, foi uma das protagonistas do curta-metragem "Batuque na cozinha", de Ana Azevedo. Nilze começou a tocar cavaquinho aos 5 anos de idade, e aos 6 já se apresentava em público, na Rádio Solimões, na extinta TV-Rio e no Fantástico da TV-GLOBO. É uma das maiores revelações da nova geração de cantoras de samba, apresentando-se semanalmente nas casas do circuito cultural da Lapa, como Carioca da Gema", Centro Cultural Carioca e Rio Scenarium. Faz parte do grupo Sururu na Roda, que já tem dois CDs lançados, sendo que no último (Fina Flor/2004), divide a interpretação de "A Rita" com o autor Chico Buarque. "

Nenhum comentário: