segunda-feira, abril 27, 2009

Olhos abertos


Gente, eu li e fiquei bege.... Céus!


" Quando brincares de jogar, mal saberás que estas jogando para perder. O mundo se diz redondo porém, antes de dar a volta a este planeta de aprendizagem, lembre-se:
o mundo é dos Espertos.

E os espertos estão espalhados por ai trajados de ovelhas! Sim!
O-VE-LHAS!
Pobre de quem acredita naquilo que sabe que não é eterno, e infeliz de quem brinca e esnoba com sentimentos alheios! O mundo é uma caixa de surpresas. Algumas, doloridas... PENSE BEM NISTO" Jader Silva

Pensamentos merecedores da leitura


Pensamentos merecedores da leitura e reflexão!


"Penso que viver pensando é perda de tempo.
Porque pode parecer patético
Mas a vida não pára pra ninguém.
Pude pular quando quis.
E você, pôde?
Perceba que você anda pedindo tempo ao relento.
E o que mais pena me causa
É poder ver a poesia anti-poética
Que precede a sua morte já pautada
Em um papel preto de um velório anônimo."
Paula Gabriele

Escolhas


Tenho uma comunidade minha do orkut que amo de paixão. Nela encontrei estes lindos textos. Uma a um vou colocando. Ultimamente, tem gente falando por mim... E gostei tanto, que está aí ó:


Escolha:


" Vem chegando um tempo.

Quisera eu que ele viesse para tentar esfriar.

Mas no tempo, quem chega a ferver é a consciência,

Em uma ebulição assustadora.

Como bolhas de ar pulando na mente,

Estourando a suavidade da água transparente que entre nós existiu.

Ah, essa água morna e excitante,

Onde fui mergulhando cada pedaço de mim.

Onde pouco a pouco tirei as velhas vestes que a vida me deu

E sem o menor esforço me despi.

E agora, vem esse tempo insano,

Querendo me impor a urgência da escolha.

Como posso escolher diante do que já tive?

Como posso escolher sabendo o que nunca vou ter?

Vai tempo.Corre na minha frente

E decide por mim.

Que eu fico aqui entre a lembrança e a realidade,

Desejando fugir das duas sem poder." Sílvia Werner

Respirar


Eu tenho pena da infantilidade de certas pessoas, da ingenuidade de outras(nas vias de uma devoção materialista), da malandragem de alguns, da astúcia de outros e de gente que acha que manter um segredo é respirar em paz. Eu não sou adepta disto. Agora? Eu só to na platéia junto com o povo! Pois o palco? Eu já abandonei! Agora não é mais comigo! Graças a Deus...
Aliás, lembrando, minha casinha está a passos largos de sair! Não vejo a hora!

terça-feira, abril 14, 2009

Angelina Jolie: sempre cabe mais um










Além de ser linda esta bela mulher fez mais uma este mês. Muitos podem pensar:
" - Ah! Mas ela pode!"
ok, pode!

Mas quantos tem os mesmos milhões de dólares que ela tem e não fazem um porcento do que ela faz para as crianças !?! Hum? váriassss celebridades.
A última foi esta:
Comovida com a história de Nadya Suleman - a mulher que deu à luz a óctuplos - Jolie ofereceu nada mais; nada menos que bancar os estudos, os planos de sáude e ajudar com o vestuário do time dos oito gêmeos. "Doutorada" em maternidade, sabendo da dificuldade, doação, trabalho financeiro, físico e psíquico que é manter e cuidar de um filho, Angelina, "deferiu" mais esta!
Adotou do modo dela, abençoando a vida destes pequenos um futuro mais digno e feliz. Olha, eu já era fã desta atriz, agora? MAIS AINDA! Parabéns Jolie! Esta sim, tem boca para dar sentido ao mundo!!! E como dizem os homens: " - E que boca!"

segunda-feira, abril 13, 2009

Orla nova e lembranças boas







Lembrei, hoje, dos idos de 1994 a mais ou menos 1998 em que curtia, junto com meus amigos, o Bar Timbuka. O estabelecimento agrupava uma legião de jovens - a maioria, a tira colo, carregando sua térmica e cuia. O lado tranquilo e, a natureza que o ambiente proporcionava era singular na ótica provinciana da capital. Tomar um mate era reza nas tardes. Também tinha a turma dos que gostavam de queimar uma verdinha; a famosa "BAURA" e o pior: se achavam "OS Caras" fazendo isto. Mas ali era terreiro de liberdade. Cada um no seu quadrado. Aliás, o lugar era até democrático demais. Foi polêmico; foi marcante. Quem nunca namorou no carro, em alguma noite da semana, curtindo a orla da Vila Assunção que atire a primeira pedra. Atirou, né? É... realmente nosso rio Guaíba está cheio de pedrinhas atiradas.
Tempo bom da minha adolescência!!!
E, no ano passado, demoliram o Timbuka. Foi tão chocante o enterro do bar que causou comoção perante a comunidade da zona sul. Inclusive teve um movimento de vizinhos, ex-frequentadores e os "bairristas" do Timbuka que promoveram um “abraço” em volta do bar para que ele não fosse destruído.
E não teve jeito.
Implodiram, destruíram, desmoronaram com o tradicional barzinho da Vila Assunção.
E a surpresa é sorver deste ditado: "Depois da tempestade vem os raios de sol".
Pois está positivo o projeto do secretário de Planejamento Urbano de Porto Alegre de criar um novo calçadão na orla do Guaíba, na Vila Assunção. Ou seja, vai ressuscitar de modo “esportivo” o laser dominical que havia há dez-quinze anos atrás.
Eu vou achar o máximo!
Amo a zona sul. Só trocaria para morar do lado do meu trabalho que é na Cidade Baixa. Do contrário, não troco a zona sul por nada. Sem agitações em demasia, sem a selva de pedra das grandes fábricas, empresas, construtoras que a zona norte oferece, por exemplo. Prefiro a natureza acenando a todo tempo, aprecio a nobreza e o toque interiorano que a zona sul oferece. Casas, padarias com toques europeus, gente bonita e com cara de saúde.
Zona Sul é tudo! E este projeto da orla vai abrandar aos saudosistas do Timbuka e vai dar mais um 'brilho' para esta região tão marcante para os portoalegrenses. Vamos tomar um chimas na orla do Guaíba? Estou esperando a sua ligação!

quarta-feira, abril 08, 2009

Jennifer? Solteira? Sim. Mãe solteira? Também sim, mas por opção...














Eu sei o que isto pode significar, entender, justificar e sentir. E quem diria, tem sido cada vez maior nos índices dos estudos sociais. É crescente o surgimento de "Mães solteiras". Umas são por osmose por "n" situações. Um destes exemplos são as mães adolescentes, menores de idade, no ápice da juventude, sem ter qualquer estrutura psíquica ou financeira de sustentarem um pacotinho humano de gastos incansáveis. Também existem as mulheres separadas que ganharam judicialmente a guarda dos filhos na justiça e por último, mais raros, as viúvas devido a enredos extirpados pelo destino. Para somar este novo tipo de família, vem as solteiras por opção. São mulheres falidas na esperança de sorver o verdadeiro homem com "H". Tá? Resumi a tribo...não me perguntem mais...
É muito complexo esta relação homem-mulher. São mulheres, a maioria, bem sucedida profissionalmente e que decidem serem mães e pais de simultâneamente. Algumas, inclusive, recorrem aos bancos de sêmens e geram seus rebentos para enfim, cumprirem e viverem, plenamente, o alfabeto da maternidade.
Jennifer Aniston já declarou esta vontade. Depois de inúmeras decepções e a 'ideía-fixa' em ser mãe fez desta atriz "hollydiana" decidir ser guiada pelos embalos de um bem a um amor único: o de ter um filho, enfim, o de ser mãe!
Abaixo, divido com vocês, parte da matéria que li(globo.com) onde a atriz e amigos mais próximos, relatam os motivos que levaram Aniston a fazer este planejamento. Advinhem qual sentimento que levou a decisão? Decepção... Que loucura... em breve, se estiver inspirada vou falar sobre esta palavra que pertence, inclusive aos diários mais secretos deste planeta, na vida de qualquer terráqueo.... A decepção. Para ser mãe, basta ter muito amor para dar. E Jennifer Aniston se diz preparada, na forma e no modo dela. Boa Sorte loiraça.

*** Site www.globo.com
" .... A atriz, uma das protagonistas da série "Friends", estaria pensando em adotar uma criança ou mesmo em recorrer a um doador de esperma."Está decidindo a forma como agir", ressaltou. "Mas uma coisa é certa: quer um bebê e o quer em breve", acrescentou a fonte.Aniston pensava que Mayer era a pessoa indicada para tomar esse passo, mas o rompimento da relação, o terceiro término do casal em um ano, serviu como alerta à atriz."Ela esperava ter um filho com ele", explicou a fonte. "Mas acho que, em seu interior, sabia que ele não estava preparado para se assentar e criar uma família", acrescentou.Em fevereiro, a estrela completou 40 anos. "Sabe que o único luxo que não tem atualmente é tempo", admitiu a fonte. "Deseja se tornar mãe solteira", ressaltou.Pouco antes do fim do relacionamento, Aniston e Mayer se viram obrigados a ficar separados por motivos profissionais, pois ela estava promovendo o filme "Marley e Eu" na Europa, e ele permaneceu em Los Angeles compondo...."

"Jardim da Paz" automotivo(e seguro)!



Olha, estou zilhões de anos de ter uma Ferrari automotiva... mas o meu Fiestinha tartaruga-ninja tem o seu valor no meio dia-a-dia... Vou nos quatros costados da cidade com ele. Econômico, silencioso... e o meu bebezinho dormindo toda vez que passeio com ele.
O que me leva ao destempero emocional é a cartilha de taxas, ipva, seguro obrigatório, as regras do "pode e não pode" conter - em dia e na validade - no carro e a eminência de roleta-russa de não ver mais o seu carro que você estacionou na Rua Tal.
Então, os seguros estão aí, na obesidade financeira com tantos ganhos de segurados. Todo mundo recorre.
Roubar carros só falta ter escola técnica para os ladrões. Pois como existem por aí, não acham?
E o pior... a gente fica a ver navios...
Então, lendo esta matéria achei interessante dividir com meus amigos!
As garagens do futuro: carro embaixo da terra.
É o legítimo "Jardim da Paz automotivo" de nossas preocupações.
Olha que barato o que esta empresa inglesa de nome, Cardok, inventou. Numa espécie de elevador com plataforma hidráulica é possível esconder seu carro num buraco 'muito do esperto".
Buuu para os ladrões!
O preço da invenção?
50.000 mil libras!
Reverte aí na sua calculadora(eu não tive coragem...)!
Mas que é uma boa pedida e uma boa idéia...Ah! isto é rsrs

Cheiros

Ultimamente ando muito olfativa. Pudera. Amo cheiros...
Sou uma aficcionada por produtos de beleza, cremes, perfumes, colônias, sabonetes, shampoos, óleo para banhos...Tudoooo ...
Não tem nada melhor que sentir-se perfumada...
E por falar em perfume(olha eu relembrando meus brios brrrr - Ah, se eu pudesse soltar a minha voz!)...
Cheiros...
São 'tentáculos" do olfato que mandam(e comandam) informações sensoriais do passado.
Qual mulher que não se delicia cheirando sabonetes, talquinhos para bebês? Estou dando um exemplo!!!
Qual???? pergunto.
Algo já primitivamente materno?
Não sei...
Algo intra-uterino que lembra nossas mamães quando nos embalavam em canções de ninar?
Quem sabe...
O certo, que cheiro é um elemento coringa para lembrarmos de algo que nos marcou ou que ficou láááá no subconsciente - espécie de soluço da lembrança...
Estes dias estava ajudando uma amiga a comprar alguns materiais escolares para a sua filhinha. Imaginem no que me agarrei a cafungar?
Nas borrachas escolares, de menininhas, pinks de apagar... Aquelas com cheirinho de chiclet. Ah, minha infância...
E aquelas bolinhas de óleo de banho do Boticário?
Lembram? Quem já não estourou uma delas durante o banho que atire a primeira bolinha então rsrs
O cheiro é infalível para lembra-me de minha pré-adolescência....
Casas... (Até casas!!!)
Até as nossas ca-sas tem cheiros... Tudo uma questão "curricular de família"... O fato que perfumes levam a um bom protagonista de ser inesquecível para nossas lembranças. E novos cheiros marcantes e sedutores são algo que levam a minha inimaginável volúpia de pensamentos...
Quero sentir perfumes novos...
E você?
Quem sabe...
Já pensou?
Despertar mais os outros quatro sentindos restantes...

Meu olhar entrega tudo.
E se me apegar a um aroma novo, em outro cheiro de pele? Tudo irá entrar em cena! O sabor de um beijo, o toque suave ou voraz das mãos, e o sedutor tom de uma voz masculina.... Como diria uma conhecida colega: " - Não iria prestar..."

Ao pé do ouvido...

Conversas, lembranças, promessas e muitas previsões de que o mundo é imenso e, redondo. Isto tem sido pauta de algumas falas que trocam com as minhas falas... Será que na terceira volta, ao mundo, engrena no certo; no correto?
Terceira.... quem sabe...
Um, dois e três.
E "tri"?
Nem sei o porquê desta numeração. Mas costumamos dizer mais ou menos assim:
" - Bah, fez uma pra mim; não faço nada. Fez duas eu até engulo. Mas na terceira....eu não aguentei e falei"...
Será o nosso tri?
Tri p-a-r-a tudo?
Tri bom, tri ruim, tri quente, 'tava tri' - ô pessoal da nova reforma ortográfica, uma pergunta: "Tri bom" é com hífen ou sem hífen?
O número três impera na vida da gauchada....
E na minha, meu Jesus? Será que caso três vezes? rsrs
Ô meu São Jorge, ô minha Nossa Senhora Desatadora dos Nós, ô minha Nossa Senhora dos Navegantes, ô meu Santo Antônio!!! Para todos os santos e bens iluminados por Deus, eu pergunto:
E eu?
O mundo dará a chance na terceira volta? Tem gente que já canta a pedra para mim que sim. Eu na boa? To serena...
Ao pé do ouvido gravei palavras que ecoam - até hoje - em mim. Palavras que erguem minhas pálpebras... palavras,estas, que fritam em meu cérebro... Confesso que são em algumas noites (não todas, graças aos anjos) quando a indigesta D. Insônia insiste em se manifestar.
E lá vem as palavras que ouvi marchando ao pé do meu ouvido...
Foi isto que li em seu olhar quando tentou sentir-se natural no meio de seres abduzidos?
A volta ao mundo?
Ao pé do ouvido fui cúmplice de muitas coisas. E até hoje, ao pé do ouvido, escuto palavras de perseverança, de esperança, de sentimentos emaranhados por fantasmas e mistérios. E estou aqui, ao pé do ouvido, apenas para ouvir... Pois o mundo não só dá três voltas como muitas e muitas voltas. E serei sempre uma eterna amiga...