terça-feira, junho 12, 2007

O PAN É LÁ EM CASA


Ter filho é benção! Mas criar... Rá!!!! rsrs
Falam tanto em PAN no país que te digo:
O PAN É LÁ EM CASA!
Tá cheio de modalidades musculares e auditivas(haja ouvido para tantos choros rsrs). Haja força, perseverança e astúcia para enfrentar os lides domésticos com os maternais!
O atletismo é o protagonista desta novela! Maratona Já! O corre corre é certo no tempo em que o meu amado João Vicente dorme nas suas três horas. As vezes ocorre as incertas do meu bebê. O sono não é exatamente de três em três horas. Então, todo tempo é sagrado! Tempo se torna uma certa preciosidade-quase rara.

Dormiu?

Correeee porque o Triatlo começou! Varre casa-lava louça-toma banho.

Tiro esportivo e de arco representam as fraldas apontadas minuciosamente na lixeirinha- as vezes não dá certo.

Parto então para o Softbol das fraldas noturnas. Pela manhã, acabo juntando o que na madrugada joguei no chão.

Tênis de mesa é na hora de mamar! Mama numa teta com braço direito e, com o outro braço esquerdo tomo meu delicioso café matinal.

Faço Pólo Aquático seguido de Nado Sincronizado com os sabonetes cheirosos da Natura!
Segura que o menino é forteeee!

Hipismo é comigo! Meu cavalo é o carrinho! Embalo num pé e faço comida com o resto que sustenta o corpo.

Badminton nos bicos(natural e artificial). Joga de um lado, passa para o outro! E dá-lhe bico colocado mil vezes para acalmar um choro de mãnhas...

Ginástica Rítmica para colocar novas roupas, na madrugada, quando a fralda não dá o sustento suficiente. São movimentos corporais que o João Vicente, neste frio, odeia se apresentar no pista do trocador.

Arremesso 4 por 100. Rá! Num braço ele; no outro um misto de recolhe, estende e dobra roupas!

Salto em varas! Na verdade “Salto à vera” em plena madruga pois sempre acho que o grunhido que escuto é alerta de algo errado.
Engano!
Bebês são umas espécies de “gremlins”(lembram daquele filme dos bichinhos esquizóides?) rsrs Emitem sons acústicos que fazem lembrar algo relacionado a bronquites...sinusites etc. O som me desperta de um jeito que salto da cama por um mínimo de “-Eeeee” dele...

Levantamento de peso: Gradual e homeopático(lógico), conforme o crescimento dele!

Enfim, o PAN É NA BAIAAA!
Mas é deliciosamente mágico ter um filho!
VIREI ATLEEETAAAA!

2 comentários:

Anônimo disse...

Satélite aduzido...como sempre tu és hilária.....rsrsrsrsrs!!! Mas tem todas razão é bem assim mesmo.
O bom é que quando a gente vê...o piquê que é...não dá mais para desistir....rsrsrsrs.
Mas, isso passa amiga...eles crescem e depois a gente fica mais livre!
Mil beijos
SoniaPires

Angela Queiroz disse...

Ótima comparação! Perfeito.
Teu filho está lindo! Crescendo muito rápido. Aproveita bem que daqui a pouco terás outras preocupações além das que tu já têm. Além de atleta, terá de ser: professora, enfermeira, conselheira sentimental (até onde tu puder meter o bedelho), motorista, psicóloga infantil, administradora, relógio despertador, agenda escolar e profissional, artesã, milionária (para a quantidade de presentes, rifas, passeios escolares, materiais, roupas, remédios, lanches escolares, Mac Donald's, e outros), cozinheira, faxineira, orientadora de tiro ao alvo (quem sabe tu consegues ensina à ele a mirar certeiramente na privada - eu não consegui ensinar aos meus...), entre outras que agora não me ocorrem.
Pena que a gente não possa colocar tudo isso no currículo, não é mesmo?
Super beijão!