terça-feira, maio 23, 2006

Banda Itinerante e a visita da madrinha do samba brasileiro




Agora relato o momento em que Beth Carvalho prestigiou a roda que freqüento e toco meu pandeiro todos os sábados.
Dia 20 de abril de 2006 entrou na história da Banda Itinerante. Este grupo, que leva o samba nos quatros costados da capital e grande Porto Alegre, tem como requinte a complacência de receber bem qualquer cidadão que queira tocar em sua mesa.
A Banda Itinerante é legitimamente popular.
Quer sentir-se em casa?
Participe deste grupo!
Partindo desta oportunidade que adentrei-me neste mundo do barulhinho bom. Neste último encontro, a noite apresentava-se fria e úmida. Era o cenário deste emocionante momento. Eu, cheguei meio esquisita com uma overdose de pensamentos melancólicos. Conversando com Nego Neco e, sua amiga repórter, descobri que salpicavam rumores de que Beth Carvalho visitaria a Itinerante, a qualquer momento.
O local?
Escola de Samba Bambas da Orgia.
Hesitando em acreditar mas, ao mesmo tempo, sentindo uma certa despressurização nos meus sentidos aguardava ansiosamente a sua aparição.
Música, bebida dourada, povo, Nega Marta(agora Lili Carabina) com seu chimarrão, a doce repórter e eu. Tocava o pandeiro, sentada ao lado do carismático Adoniram Ferreira(o 'm' está no seu e-mail) sentindo um gostoso ‘frio na barriga’. Os minutos passavam e, angustiada, sentindo uma certa agitação dentro de mim, decidi parar de tocar.
Levantei da mesa para conversar com meus amigos mais próximos.
Em pé, diante daquela ceia sambística de meus queridos e respeitosos amigos contemplava o gracioso cenário, de alma carioca, ouvindo o melhor do samba de raiz.
Inesperadamente, Beth surgiu.
Sem seguranças, andava arrastando seu chinelinho de strass numa forma de dizer:
“Cheguei POVO! Viva o SAMBA!”
Não acreditando no que enxergava, balbuciava apenas esta frase para Nega Marta:
“- É a Beth! É a Beth! Tu ta vendo? É a Beth!”, seguindo ao lado da cantora.
Meus movimentos estavam, literalmente, esbandalhados.
Nego Neco, em sua placidez de olhar, continuava tocando freneticamente seu tarol! Já eu, ao lado da madrinha do samba a abraçava e tentava agir ou falar algo normal.
Impossível, né?
Nada era correto.
Apenas sorria.
Nem eu me reconhecia naquele estado...
Foi quando, num clique racional, resolvi voltar à mesa e continuar a tocar! Beth, quase abalroada pela galera, deu a volta na mesa e ficou no centro.
Como uma rainha, pegou o microfone e cantou diante de mim!
Cantou o melhor do samba!
Ela dava pulinhos e sorrisos! Beth levantou a galera presente numa espécie de benção musical!
Ao final, conversou diplomaticamente com todos! Foi breve e em sua mensagem de carinho e, na saída, fiquei em sua direção. Deu-me um um abraço e um beijo atendendo meu olhar obsecrado. Simpática, olhando-me nos meus olhos ouviu meu recado e agradeceu! A proposta, era a entrega da carta, em sua homenagem(post abaixo gente)) no dia do show, no Teatro do Sesi!
Ela é bárbara! Prometeu voltar para fazer um show popular!
Ficará na reminiscência de minha história, de minha vida, este momento único!
As vezes fica chato falar, expor... mas Beth é sempre Beth! Meu carinho por ela vem de minha infância.
E a sua voz!?! Me digam! O que é a voz desta mulher?
Que sonoridade, q-u-e serenidadeee! Ouvi-la de perto, conversar com ela, foi o melhor de tudo!
Tocar com a madrinha, então!?!
Foi o presente do ano!
Beth Carvalho, Portela e Zeca são referências para mim! Tenho outros ídolos, como o nosso príncipe, o lorde do samba que é o Paulinho da Viola. Tem a imortal Clara Nunes!
Mas Beth é sempre Beth...
A madrinha tem luz! Este fim de semana ela me provou isto!
Sentimento popular é o que não falta nesta pequena grande mulher!

PS: A diagramação está péssima! O que vale é a foto com a matéria que o Nego Neco fez no jornal! E a outra a prova, digital(que consta no jornal também), de que Beth é nossa! É Itinerante! É brasileira!

7 comentários:

Anônimo disse...

É o seguinte: Beth Carvalho é a mais nova integrante da Banda Itinerante! Aí está o verdadeiro samba de raiz! Ele muda de lugar, mas não muda a essência!!! Salve o samba e um dos seu mais ilustres representantes: a Banda Itinerante! É por isso que não me atrevo a tocar nenhum instrumento nessa banda (ainda que eu sobesse tocar). Ali só tem fera! Lili Carabina

Anônimo disse...

Anônimo disse...
É o seguinte: Beth Carvalho é a mais nova integrante da Banda Itinerante! Aí está o verdadeiro samba de raiz! Ele muda de lugar, mas não muda a essência!!! Salve o samba e um dos seu mais ilustres representantes: a Banda Itinerante! É por isso que não me atrevo a tocar nenhum instrumento nessa banda (ainda que eu soubesse tocar). Ali só tem fera! Lili Carabina

9:20 AM

BB disse...

Putz! To começando a perceber que vou ter que passar de predadora da banda para integrante da mesma. Acho que vou ter que aprender a lidar com o tal xic-xoc.... mas da percursão não abro mão, já que é a minha especialidade..iririr

BB disse...

Uhuhuhu! Vou aprender a tocar pandeiro, hahahahaha.
Era o que me faltava pra minha vida mudar...iriririririr.
Mas, não sei. Tenho as mãos muito delicadas pra isso... ai ai ai!

Anônimo disse...

What a great site, how do you build such a cool site, its excellent.
»

Anônimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»

Anônimo disse...

I find some information here.