terça-feira, setembro 29, 2009

Hum... Bailinho!

Tava lendo comentários há algum tempo atrás sobre o hit dos cariocas. Ir aos famosos Bailinhos! . No Rio de Janeiro pelo menos é o maior hit: Nasceu de uma festa de verão; festa de bairro! Aquela reunião dançante da vassoura (lembram?) e dos meninos cá; meninas lá. De dançar, de pular com Jimmy Cliff cantarolando com seu timbre único e de seu momento musical. Enfim, de erguer os bracinhos e extravasar no cenário mais “peti-poá” de nossa saudade e, principalmente, da nossa inocência. Tá aí o plus deste ambiente. É nostalgia pura. Um verdadeiro sucesso reviver este baile dançante. E isto, hoje em dia, faz parte da vida carioca e agora, paulista. Porque não em Porto Alegre? Será que tem e não estou sabendo? Eu nucna mais sai, talvez esteja enganada.... Mas, se já fizeram provavelmente veio com alguma injetada de rave e cenários melódicos que nada tem haver com o bailinho. Queria curtir um assim, igual ao das minhas lembranças, sempre, com a presença de minhas fiéis e dinossáuricas amigas, claro. Sem o trio ou aquele quarteto não terá graça. Ai que saudadeeee! Temos tantos momentos de felicidade no percurso de nossas vidas que esquecemos o como era bom aquele “tal” tempo, não acham. Eu gosto de relembrar. Lembro da minha adolescência onde os bailes eram sempre na casa do Suenin ou do Zeca. Cada um levava um prato de salgadinhos, refri ou suco e pares de meias novas! Meias novas? Calma. Vou explicar. É que, chegado na festa trocávamos as meios com outros convidados. E se dançava sem calçado num ‘salãozinho’ todo besuntado de cera. Rsrs Sim! Limpávamos a casa dançando!!! :-) No entanto, quando apagavam-se as luzes era um corre-corre para os cantos do ambiente. Ali, esperávamos os tão desejados meninos que nos convidassem para dançar. Rostinho coladinho ao som de Phill Collins ou Scorpions, por exemplo. Humm... que delícia!!!

Um comentário:

Anônimo disse...

AHHHHHHHHH Eu lembro sim!!
Dava frio na barriga quando começava a tocar "eclipse total do coração" (em ingles-claro) da bonny tyller, lembra?
Quem será que viria nos tirar para dançar?? Todas queriam o Zé Carlos.
Eu nao ia nas reuniões da "rua de cima" porque eu era da 'gangue' da rua "lá do meio".
Mas muito mais que as reuniões dançantes eu gostava de brincar no meio da rua de swat, de ferrolho, de policia ladrão, de fazer a coreografia do michael jackson no meio da rua...credo!! isso era bom...e tomar picole napolitano!! ave, era a gloria!!
he he he
Bjo Ianes