sexta-feira, novembro 09, 2007

Lucidez e L...


Começando e terminando o questionamento do meu jeito de ser e minhas decisões entro naquela frase que citei há certo tempo: Sou uma mulher que ainda brinca de boneca.
Há quem conteste. Mas o que as pessoas mais sabem fazer é: Reclamar.
Nada as satisfazem. Tem gente que não sossega enquanto não casar. Que seja o quarto, quinto casamento; mas tem que casar. Ninguém pensa que ser “Single”, hoje em dia, é uma opção. Sempre há um comentário maldoso. Ninguém respeita as opções de vida de amigos e familiares. Ninguém entende um pensamento fulgaz de um coração.
Julgar é tão bom.... Olhar para o seu próprio umbigo é difíííííícil - curvatura cervical crônica..
Existe, nesta cidade, gente “bem nascida” que aprecia roubar em terreiros do mais alto consumo de mercadorias... O que não convém falar(foi corrigido, tá?). O que me chocou, esta semana, foi saber que um ex-marido de uma amiga minha roubava em supermercados. Detalhe: o cara é muito bem de dinheiro. A ex-mulher , relatou que o danado usava o "carrinho-baby" dos supermercados, utilizando, o próprio bebê - seu filho - de escudo para suas trapaças. Surrupiava apetrechos de cama-mesa e banho. Fora as comidas! Fiquei chocada!
O que leva uma pessoa “bem-nascida” com os melhores diplomas de valores nobres de uma família, fazer o mais vulgar dos vulgares? Sei lá! Sei lá! Desliguei o telefone e relaxei. É tanto absurdo que tratei de continuar meus afezeres de dona de casa, mãe e cidadã. E, surpreendentemente, são personagens que um dia, julgaram atitudes de alheios...
Julgar é fácil. Mas roubar não era motivo para julgamento? Rá! Pra ele(s); não. Pessoas, como eu, que geraram polêmicas com suas opções de vida e atitudes do destino continuam levando a vida em sua própria e insana lucidez(já vou comentar sobre isto). Bem no início da minha gravidez eu mesma fui a arena de muitos debates pela minha opção de ser mãe! Há quem achasse que eu estaria ao releu de um abandono, esquecido por um amor... E vejam só! Tudo errado! Não que eu pense ser eterna com meu amor! Ele odeia esta exposição virtual.
E me adverte: “se na vida real já existe uma exposição total, todo mundo fala de todo mundo. Imagina nesta Internet. Não gosto disto”.
Hoje eu vejo que a língua é protagonista do Lúcido; que talvez seja um parente de Lúcifer! Calma, calma! Não resisti e li sobre esta ‘filosofada’ de uma brilhante poeta chamada Viviane Mosé. Ela começa já largando:
“Lúcido deve ser parente de Lúcifer
a faculdade de ver deve ser coisa do demônio
lucidez custa os olhos da cara”
Sabemos o óbvio da vida. Sabemos que político é corrupto, que Grenal vai dar engarrafamento, que o verão vai ser sufocante. E, em vez de falar e julgar da vida alheia, faça o seguinte:
olhe um pouco para dentro de si mesmo. É o único lugar onde ainda encontrarás alguma novidade!
Minha profissão já tem muita gente maluca, mas esta camada de ozônio andou afetando os valores de muitos conhecidos. Eu sou a prova viva disto! Tenho uma seqüela de meus pênaltis da vida! Um dos exemplos é que não acredito mais em casamento. E não deixo de ser feliz por isto. Mas há quem ache que viver de padrões é ser feliz... Eu sou a prova viva que não! Claro que se pudesse sonhar no tema "Ser feliz no amor" seria uma Cinderela, Branca de Neve, Rapunzel.... Infelizmente não é assim. Como diz a minha mãe: “jogaram fora a forma dos homens com H”. Portanto e por enquanto, minha vida é: eu e meu filho; meu filho e eu. E vez que outra meu filho, o papai e eu!
Buuu! É assim! Bem que eu gostaria que fosse eterno este meu amor já que deram pausas por alguns anos e retornou depois de cinco anos. Só que eu não tenho mais butiás em meus bolsos. Esta é a realidade... A autora me completa:
“ Para olhar o bicho nos olhos é preciso ser bicho também. Enfrentar a verdade é quase um ato de selvageria.”...
Eu sou selvagem!
Diz que os lúcidos destacam-se pela raridade. Pois estes raros cidadãos não trapaceiam; se comprometem com a verdade, enfim, com a realidade. E me tiraram, um dia, pra boba. E ainda acham que fakes enganam a espionagem orkutdiana. Santa ingenuidade. Falecida Fabi que achava que todo mundo era legal. Hoje eu enxergo com lucidez o que lúcifer babuína, detona! Tem que viver! Tenho feito isto na minha medida – pois hoje, todas as minhas disponibilidades físicas e espirituais estão para o meu filho.
E mais uma da autora:
“O lúcido tem que confrontar com uma verdade desestabilizadora; a de que não existe verdade absoluta. .. o certo e o errado flertam um com outro. Não há permanência. Tudo é provisório”!
Este provisório que me agarro em ser feliz! Ninguém sabe o amanhã! E quantas rugas já criamos ou insônias foram adquiridas por pensar demais no futuro! Tssssss
Durante o percurso da vida, tudo é movimento, surpresa e sorte. Por isto que disse que faria a despedida doce de amarga de um ciclo amoroso. Depois, sem moral, confessei que o ciclo não havia terminado. E Viviane Mosé me larga esta: “quanto mais o lúcido pensa, mais percebe que lucidez plena não existe, o que existe são suposições, algumas até coerentes, o que nos mantém no eixo. Lúcido é aquele que sabe que lucidez é uma falácia, e não pira com isto”
Vai se pensar tanto e vai morrer do mesmo jeito! Igualzinho! A morte é o nosso único endereço definitivo. Vai pensar lá na conchichina!
O segredo é organizar a sua loucura!
Pra matar esta charada ela enfatiza:
“ Lúcifer é uma espécie de padroeiro dos lúcidos – e lúcido é só um outro nome para o louco. O louco que tem a cabeça no lugar demais”
Viva e pare de fuxicar a vida alheia. Julgar é bom...mas o ministério adverte: o que os olhos não vêem; o coração sente.
Pense nisto! Me deixem em paz com a minha loucura! E olha que eu já conquistei um bom pedaço da minha paz... Com a minha loucura! he he he

4 comentários:

Anônimo disse...

O tema doteu postaté é interessante... o problema são os erros de português...Nossa... "A quem conteste"?? Não seria "Há quem..."???
E "não vem ao acaso"??? Putz, e eu gostava tanto dos teus textos...

bárbie mutante disse...

Amiga!!! acho que tem alguém alimentando um amor platônico e obviamente não correspondido por vc...estás deixando alguém magoado que mesmo assim quer te ajudar corrigindo os teus erros de português...seria falta do que fazer?? bjks

satélite abduzido disse...

pois é o 'doteu postaté' tá com erros mesmo... Como dizia Adalberto Kaspary "TODOS NÓS estamos sujeito a ter erros de português. Inclusive eu erro"!
Pois é... És superios a todos! Uma conhecida já havia me alertados destes erros. Vou corrigir agora mesmo. AH! VOU TER UMA LÁSTIMA ENORME QUE NÃO LERÁS MAIS MEUS POSTS... bjossss

VIVER SEM DOR disse...

Vou dizer do quanto admiro teu blog, as postagens, são fagulhas de uma mulher renovada,com uma potência de sentimentos, que quando fluem se sente livre escrevendo, e por estar em extase , esquece de alguns erros normais a todos nós até aos escritores famosos.Notei, mas muitas vezes também cometi e os cometo são relacionados na correção dos erros, mas, tudo isto num Blog é perdoável.O importante é a Alma desta incrível blogueira, autêntica, sem medo de expressar o que vai lá no fundo do coração,sem medo de errar nos textos que brotam em sua cabeça, porque, na verdade, o que ela tem em potencial,´´e que escreve muito mais muito bem mesmo, leio sempre e muitas vezes me identifico com esta linda menina mulher. Parabéns, e te digo mais, continue escrevendo, os erros , estes é só uma questão de passar os olhos no texto , antes de editar amiga.
Meu Blog está aí, é voltado á saúde e se tiver erros, ficarei agradecida de receber comentários.
Continue firme SATÉLITE ABDUZIDO, escrevendo muito e deixe as ´´aguas rolarem. PARABÉNS.