terça-feira, outubro 07, 2008

Esclarecendo...


Então, vamos esclarecer. Tudo está, hoje, muito claro. Acabou e não volta mais. A questão toda que venho - novamente aqui a dizer – que o meu filho como qualquer aula de ciência e genética tem, sim, os dois laços sanguíneos. E graças ao bom Deus, as duas famílias não misturam problemas pessoais de um casal. Neto é neto, filho é filho. Criança! Santa inocência! Porque envolver eles? São anjos e não tem nada haver. Minha história acabou por sujeiras, mentiras que eu já previa. Cachorro que come ovelha; só matando rsrs Por fim, deixo claro que estou muito bem sozinha. Aliás, optei em ser assim sempre fui assim... Aquarianos tem a tendência a ser assim, sem ser ortodoxa em astrologia, mas...sim. Vi muita frieza no olhar de muitas pessoas, senti o frio e arrepio deste mundo de pedras, revi pessoas sem alma, pessoas egoístas que gostam do escuro, do mundo preto e branco, da amizade escusa, da fome em sempre estar em vantagem; sem sequer valorizar o melhor da vida que é o amor ao próximo...o amor de uma família, por exemplo. Prefiro dividir meu romantismo neste blog. Sofri muito mais quando, um dia, fui casada do que hoje. Por quê? Porque filho fortalece qualquer mulher. Sou fera, sou bicho... sou anjo e sou mulher. Cássia Eller que o diga! - nem tanto feminina, no entanto, uma exímia mãe - falou por mim hoje e sempre! Mãe é mãe! Filho é filho e não retiro nada, mas nada do que já escrevi aqui. Viver de enganos, de desilusões? Quem já não viveu!?! Não conhece amor nem paixão - este samba é bom! Isto é mixo! É pequeno pra tantas formas belas de ver a vida. Levante-se! Bem-vindo ao mundo dos adultos, ao abutre sazonal da magia masculina!
Ultimamente tava botando ‘no caderninho’ tarefa fácil. Dez itens de vantagens e dez itens de desvantagens... nossa o placar foi péssimo. Desvantagens superou meus limites. As palavras vinda da memória e do coração me assustaram.
Eu quero viver em paz! E já achei o caminho! O caminho que não suga a tua alma, que não faz desdém de tua fé, do amor e da solidariedade. Amores? Amor acaba... nasce... renasce...eu revivi, vivi e ponto. Agora quero respirar o melhor da vida! Pois criei muita expectativa. Só eu sei o quanto tentei não repetir esta relação. Eu relutei.... Mas anfã. Aconteceu. E tenho este menino QUE NÃO TEM NADA HAVER COM O MUNDO AFORA.
Chega! Eu quero paz! Eu to olhando para a minha vida. Não quero discórdias...muito menos mágoa... Se eu pudesse conversar... expor... mostrar o meu lado.... Fica assim...
Felicidade está nos ressonar do meu filho enquanto sonha, no upa! Upa! Em mim com abraço e sorriso que dinheiro algum compra. Preenche. Me basta! O resto, Deus sabe...

Nenhum comentário: