segunda-feira, outubro 27, 2008

Ser feliz



Ser feliz por tão pouco. Ser feliz, pelas atos e fatos mais simples que existem em nossa volta!
Ser criança; é ter o dom de tornar o simples, o objeto ‘sem graça’, em algo tão divertido, mas tão divertido que comove e contagia a todos que estiverem a sua volta! João Vicente é a própria alegria em seus doces 83cm de altura. Um pacote de gente que brinca, pula e desbrava os pequenos objetos que tem por uma casa. Ta certo! Sabemos que numa casa há grandes armadilhas. Sou uma mamãe vigilante. No que eu posso eu rastreio tudo que ele pega e acha. Mas teve um dia que achei muito engraçado. Ele só queria andar pela casa com uma fita crepon engatada no seu tornozelo. Com um pé calçado e outro não, ele andava pelos aposentos faceiro. No entanto, se o ‘seu brinquedinho’ saísse de seu tornozelo ele voltava apreensivo que era para recolocar o objeto nele. E assim foi, por alguns momentos da tarde, brincando com este adereço escolar como se fosse o melhor brinquedo do mundo. É nestas pequenas alegrias que encontramos a melhor terapia de viver a Vida!

Um comentário:

Patti (*_*):-) disse...

Que bárbaro! Temos de imitar o JV e resgatar esse ENCANTO genuíno pelas pequenas coisas, aguçando a curiosidade e o prazer!Viva nosso lado "infantil"!!!...:-)