sexta-feira, julho 31, 2009

Eremita, momento exato


Cheguei a conclusão que não devo seguir rumos novos neste momento da minha vida. Algo me diz que não. Não posso. Preciso viver, realmente, meu momento eremita...

Preciso e devo estar mais conectada em mim. Não sei o porquê isto se voltou a mim. Mas preciso estar só. Só... Eu e Deus. É o momento de arrumar a minha casa interior. Momento de quietude. Digamos que seja a tal paz que já contei para vocês no post " A casa do Lago" em que cito que tenho hoje, uma paz; porém, uma paz sem sabor.... Esta minha introspecção vem sendo latente de duas semanas para cá. Busco clarear o que considero importante e o que realmente busco em mim. Será que é o amor? Acho que não. Tem algo muito mais evidente em mim. Acreditem! Eu mudei muito....

E, para os que não sabem o que significa a palavra EREMITA é o seguinte: Segundo um site, a palavra Eremita é uma carta do tarô que significa ter um momento necessário de introspecção. Ela simboliza uma atitude profunda, sábia e clara diante da vida. É um período necessário antes do início de um novo ciclo que virá.

Portanto, estou cá... abduzida... pensando... pensando... Estou confusa... preciso ficar só.

Nenhum comentário: