quarta-feira, janeiro 31, 2007

Chateia

Sabe que eu enchi de coisas mesquinhas que me contaram... Falo de tudo. Da vida, da minha fase nova, das minhas amizades que não abro mão e que tem muita gente insatisfeita com a realidade. Ai, bisbilhotando o meu orkut vi a presença de 'x' pessoas neste mês de janeiro. Gente que 'babuniou' pra cima de mim. Segundo a tendência dos orkudianos é publicar seus últimos visitantes no próprio mural dos scrapts. Se fizesse isto daria merda(com certeza). Por isto que estou postando. Para, se ler(porque jamais imaginaria que visitava o minha página no orkut) fui amiga, de verdade! Preferi o silêncio do que provocar desavenças. Não quero intrigas. Só quero paz com julgamentos falsos. Gente que nunca teve contato comigo e arrota atrocidades sobre a minha pessoa. Nem sei o porquê de estar escrevendo isto. Vai ver que é por valorizar demais as amizades, mesmo aquelas que já não entro em contato há anos.
Chateia saber de pessoas que se fizeram de "doente para andar de ambulância", de coitadas ... de falidas... sem estímulo de vida e, eu(a trouxa), movi céus e mundos para tornar a vida, um pouco, mais colorida, mais feliz. Reconhecimento pelo esforço? Rá!!! Foi em vão a estas pessoas. Tsunamis das lembranças foi a premissa para 'bossalizar' que, hoje, se é mais feliz do que ontem.
Eu fui muito feliz! Graças a minha saúde(porque, cá entre nós, ter saúde, não tem dinheiro que pague)muito, mas muito satisfeita com todas as fases que desbravei! Em todos os quesitos!!!
E hoje?
MAIS AINDA!
Gerar um ser é algo divino. Realmente, como dizem, uma benção. Ainda mais no meu caso, que estava grávida de um mês e não sabia. Fiz misérias. Até empurrar carro, correr em lombas ..suspender móveis para campeonato de halterofilismo(rsrsr entenderam? as vezes um pouco de exagero, sorve mais na mente)... rsrs eu fiz.... E né que não tive, sequer, um princípio de aborto!?!
MEU FILHO VEM PARA FICAR! PARA ME DAR UMA LIÇÃO DE VIDA!
As sensações ainda anunciam! A de ter 'aquele pedacinho de ti' nos braços é de marejar minha vista enquanto escrevo.
Isto é o maior presente a tudo passei. Nada sério. Mas poderia ser evitado se ouvisse os mais velhos. 'Tava na linha', como disse certa vez uma sensitiva.
Quero paz!
Chega de mentiras e histórias distorcidas sobre a minha pessoa. Estou no auge das minhas férias. Faço o que quiser das minhas letras de moinhos de palavras. Falo. Não criei este blog para florear só poesias. Criei por achar útil a várias coisas, entre elas, falar de meu filho ...dos meus amigos...dos meus carmas...sentimentos... viagens... histórias engraçadas... enfim, advertir fatos e notícias que me assombraram como, por exemplo: o recente post em que falo da "camada de ozônio".
Quem me conhece, sabe...
"Sou fera, sou bicho, sou anjo e sou mulher. Sou minha mãe e minha filha, minha irmã, minha menina. Mas sou minha, só minha e não de quem quiser. Sou Deus, tua deusa, meu amoooor Baby, baby, baby, baby..."

Nenhum comentário: