sábado, agosto 26, 2006

Música, cumplicidade...




Gente! Tenho que confessar...esta música mexeu demais comigo... E, se não bastasse ela ser bela, quinta algo muito especial me aconteceu. Sai com minha turma de fé(Porta-voz, Nega Marta, Sandra, Sandrinha, Mike, Cris, Camila e meu amado. Faltou BB que se delicia com o samba puro do Rio de Janeiro)! Fomos para um bar na Goeth com a Mostardeiro, El Molino. Tivemos uma interação total com a banda, turma toda cantando e tocando quando, Mike, adorável em sua música predileta de cantar, assume o microfone e canta. Sem pestanejar, P... levanta, estende a mão. Eu, abduzida, não entendendo a atitude, pego a chave do carro pensando que éramos para ir embora. E não! Me abraçou e disse: "vamos dançar!"... Absorta com o convite, passei a dançar coladinha, com esta música linda, composta por Serginho Meriti! Sabia que a letra era linda! Dançamos felizes numa cumplicidade nossa... O que não dá para acreditar é que esta música diz tudo que passamos até hoje! Verdadeira, pura, mágica... um nó do destino... Mike! Valeu por cantar, SEMPRE, esta música! Impossível não ficar com os olhos marejados! É...sou assim... sensível, manteiga... Valeu por tudo! Sintam a letra! Vale a pena buscar um mp3 desta música!

QUE MAIS DEIXA SAUDADE

Bom mesmo é quando a gente está a sós
Com a pessoa que escolheu

Entre todas que viveu
A que mais deixa saudade
Legal é quando a gente está legal
Ao lado de quem se quer
Dispensando o que vier
Indo em busca do prazer de verdade
É como se a gente virasse poeta
E arrancasse as palavras de dentro do peito
É como se o destino desse um nó perfeito
Pra minha vida da tua não mais desatar
É a força do grito, é um nó na garganta
O remédio que traz o poder de curar
Essa força que nasce depois se agiganta
Que as vezes se chama vontade de amar..

Nenhum comentário: