sexta-feira, novembro 20, 2009

Surf no Dilúvio de Porto Alegre

Olha, não tem coisa mais insolente que perambular pela casa e apertar o botão dos eletroeletrônicos ou eletrodomésticos e não funcionar. De querer ver algo, de ouvir, de acender e não poder. Falo da falta de luz que assolou o cotidiano de muita gente, como a minha família. Falo do apagão que este temporal causou desde ontem(19/11), em Porto Alegre. Aquecimento global, ciclone sei lá o que foi... mas causou mortes, transtornos nas vias e muitos estragos como destelhamento de casas e árvores caídas. No entanto., o que chamou a minha atenção, hoje, nos jornais do país foi destes gaúchos aí: Ricardo Dullius, Nelson Pinto e Juliano Didonet. As pinta surfaram literalmente no Arroio Dilúvio de Porto Alegre. A água mais podre que já vi na minha vida...
E porque a loucura?
Pra tudo tem um enredo por trás. A loucura ‘aquática-gosmenta’ veio de um propósito publicitário – inclusive já está a venda camisetas ‘Surf no Dilúvio”. Olha, na minha opinião, uns baita corajosos. Segundo eles tão tomando banho com saponáceo, sarnacocen(Ai! Sei lá os nomes) entre outros e até tomaram vermífugos! Co-ra-gem!
Deviam estar previamente antecipados, as consultas dermatológicas e avaliações com especialistas em infectologia para desbravar este mar de bactérias e orgias químicas. Haja coragem. Mas deu certo! Viraram capa de vários jornais!

Nenhum comentário: